1

Angola e Finlândia fortalecem cooperação

A ministra da Cultura, Carolina Cerqueira e a embaixadora da Finlândia, Pirkko Liisa Kyostila manifestaram, esta semana, em Luanda, interesse mútuo no reforço da cooperação entre os dois Estados.

1
2
Cláudio Gomes
Fotografia
:
DR
Cláudio Gomes

Tal intenção foi torna pública à margem de um concerto de piano realizado recentemente depois da apresentação, na semana passada, das cartas credenciais da diplomata finlandesa ao Presidente da República, João Lourenço, informou o Jornal de Angola na sua página da Internet.

Com efeito, os sectores da Cultura, Ciência, Educação e Comercial foram as possíveis áreas selecionadas pelas responsáveis.

Deste modo, Carolina Cerqueira exprimiu a disponibilidade de Angola em estreitar as relações com a Finlândia nos domínios da Educação e Cultura, tendo em conta a alta tecnologias que aquele país nórdico dispõe e o vasto conhecimento que tem no domínio de turismo.

Segundo esta responsável, esta possível cooperação pode oferecer melhor formação para os jovens através de bolsas de estudo pelo que, os angolanos vão aprender muito com os finlandeses.

“Eu vim aqui para expressar a nossa disponibilidade em estreitar as nossas relações com a Finlândia, do ponto de vista cultural, tendo em conta a riqueza cultural da Finlândia”, disse a ministra, salientando o interesse em cooperar no domínio da cinematografia.

Por outro lado, a embaixadora da Finlândia assegurou que o seu país pretendecooperar com Angola nos domínios comerciais e científico.

Para Pirkko Kyostila o ambiente político que se vive actualmente em Angola vai permitir melhorar ainda mais essa cooperação, tendo afirmando que a relação entre os dois países é salutar. Esta diplomata defendeu a necessidade da cooperação com Angola abranger os domínios da agricultura e indústria.

Depois de apresentação das cartas credenciais aoChefe de Estado, João Lourenço, a embaixadora pretende manter encontros com osministros e outras entidades angolanas. 

A nova chefe da diplomacia finlandesa em Angola também representa os interesses do seu país na Namíbia, onde reside. Com 31anos de carreira diplomática, Pirkko Liisa Kyostila já passou pela Tanzânia,Itália, França e Nações Unidas.

7