3
1

Angola Investe... mas “nada” acontece

Mais uma vez, a culpa vai morrer solteira. O Programa Angola Investe (PAI) faliu e ninguém, absolutamente ninguém – pelo menos é o que nos mostram –, tem alguma responsabilidade por este fracasso.

1
2
Fotografia
:
Carlos Aguiar

O Banco de Desenvolvimento de Angola (BDA) informa que financiou 855 projectos, porém grande parte deles não teve pernas para andar. Ou seja, houve crise. O ar ficou rarefeito e, nessa corrida pela diversificação da economia, tiveram de desistir da competição.

Só nos últimos quatro anos, através da banca privada, o PAI concedeu 120 mil milhões de kwanzas para financiar 515 projectos, segundo informação avançada por fonte governamental. Para bonificar os juros, o Estado apoiou a concessão de créditos com um total de 55 mil milhões de kwanzas, que serviram também para capitalizar os fundos de garantia e de capital de risco e para a criação de “ambiente satisfatório à concessão de crédito”, mas não se criou um ambiente satisfatório à fiscalização dos mesmos.

Leia mais na edição de Março de 2019

Economia & Mercado – Quem lê, sabe mais!

7