3
1

Conheça o passo a passo para colocar a sua empresa na Bolsa

No seu segundo Workshop Executivo, a Comissão do Mercado de Capitais esclareceu as condições e os procedimentos para que uma empresa esteja admitida á negocição na Bolsa de Dívida e Valores de Angola.

1
2
Fotografia
:
DR

A E&M traz o passo a passo do processo:

  1. Tomada de decisão dos órgãos socias sobre a abertura do capital (emissão de acções) ou emissão de obrigações
  2. Realização de due deligence legal para garantia da conformidade da organização aos requisitos do mercado. O processo pode requerer inclusive o processo de transformação da sociedade.
  3. Due deligence financeira. O processo envolve a análise da situação financeira da empresa, os riscos e pode dar lugar a implementação de medidas de saneamento financeiro. 
  4. Auditório ás demostrações financeiras feita por uma entidade registadas na CMC
  5. Avaliação da empresa visando a determinação de um intervalo para a precificação do activo (acções)
  6. Contratação de serviços de intermediação. O referido agente será responsável pela
  1. Assistência na colocação das operações
  2. Elaboração do propecto
  3. Realização de roadshows
  4. Recolha de Intenções
  5. Registo da Oferta pública no órgão de supervisão do MVM “Comissão do Mercado de Capitais” e na Bolsa de Dívida e Valores de Angola Oferta Pública 

No mesmo evento, a Comissão do Mercado de Capitais apresentou em detalhes o Programa de Potenciação de Emitentes, que a E&M passa igualmente um passo a passo do que se faz nesse programa:

  1. Diagnostico sobre a situação da empresa em relação aos requisitos de emissão e admissão de  valores mobiliários em mercado regulamentado. 
  2. Apoio na elaboração de um Roadmap para a adequação da empresa aos requisitos dos mercados regulamentados
  3. Apoio na preparação dos termos de referência para a Contratação de serviços de apoio ao processo de emissão (intermediação financeira)
  4. Familiarização do potencial emitente com as regras e o funcionamento do  Mercado de Capitais e outros temas actuais do mercado
  5. Apoio na Remoção de constrangimentos exógenos à adesão aos mercados regulamentados.
7