3
1

Covid-19: Etiópia aprova Estado de Emergência de cinco meses

A Etiópia é a segunda nação mais populosa de África, com mais de 105 milhões de habitantes ( dados de 2017), a seguir à Nigéria, com 190 milhões.

1
2
Fotografia
:
DR

O Parlamento da Etiópia aprovou hoje, sexta-feira, o estado de emergência de cinco meses para combater a pandemia do novo coronavírus (COVID-19), informou a Africanews.

Depois de o Conselho de Ministro liderado pelo primeiro-ministro Abiy Ahmed ter aprovado a medida para controlar a propagação do vírus e reduzir o seu impacto socioeconómico no país, que já conta com 56 casos confirmados, dos quais quatro se recuperaram e dois morreram, agora foi a vez de o parlamento pronunciar-se.

O Estado de Emergência de cinco meses é extenso a todo o território da Etiópia, a segunda nação mais populosa de África, com mais de 105 milhões de habitantes ( dados de 2017), e será supervisionado pelo Conselho de Ministros e subcomités ministeriais. Anteriormente, o Estado de Emergência no país era supervisionado por militares, que costumam ser acusados de abuso grave de direitos, incluindo detenções direccionadas e uso de força letal contra pessoas que se acredita desrespeitarem as ordens.

Já o responsável pela Justiça informou, essa semana, os tribunais federais ouvirão os casos de violência doméstica decorrentes da ordem de permanência. CJ Meaza Ashenafi divulgou a medida no Twitter, afirmando que, devido ao confinamento obrigatório, há “possibilidade de um aumento da violência doméstica”.

Entretanto, na segunda quinzena de Março, os tribunais etíopes interromperam alguns serviços, funcionando parcialmente, como forma de conter a disseminação do novo coronavírus.

7
Assine a Revista Digital - Economia & MercadoAssine a Revista Digital - Economia & Mercado