3
1

Detido cidadão que matou a esposa à martelada

Um cidadão de 22 anos de idade foi detido recentemente pelos Serviços de Investigação Criminal (SIC) por alegadamente ter morto a própria esposa com golpes de martelo na cabeça.

1
2
Redacção_E&M
Fotografia
:
DR
Redacção_E&M

A vítima que em vida se chamou Deolinda Salvador foi perdeu a vida no dia 31 de Outubro, no bairro Chimbicato, distrito urbano da Camama, em Luanda, onde vivia com o esposo, o principal suspeito do assassinato.

De acordo com uma fonte citada pelo Jornal de Angola, o acto que chocou a sociedade, ocorreu no interior de uma residência onde o casal vivia, depois de ambos terem travado uma forte discussão, que eventualmente levou o esposo a tirar a vida da esposa com golpes de martelo na cabeça da vítima.

Ao aperceber-se da morte da esposa, escreve o Jornal de Angola, o acusado decidiu enterrar o corpo no interior do quintal da residência e, por volta das quatro horas da manhã meteu-se em fuga.

Ainda segundo a fonte citada pelo Jornal de Angola, o esposo da vítima tem 22 anos de idade e desencadeou tal acto alegadamente por ciúmes e por estar embreagado.

O Jornal de Angola escreve que o marido batia com alguma frequência na falecida, razão pela qual, em várias ocasiões terá sido levado à cadeia, mas que entretanto, acabava sempre por ser posto em liberdade.

Por sua vez, Maria da Silva, mãe do homicida, explicou que se apercebeu do caso por volta das 4 horas da madrugada, quando o filho, que vive num dos quartos da sua casa, cavou um buraco num terreno baldio defronte a casa onde o agressor terá sepultado a companheira. 

O homem, que tem um filho com a vítima, está detido e foi já submetido a um processo-crime por homicídio qualificado, que será enviado ao Ministério Público para legalização da detenção e depois remetido ao tribunal para julgamento.

A fonte do SIC apelou aos cidadãos para evitarem cometer agressões físicas, uma vez que constitui crime de violência doméstica, punível nos termos da lei. 

7