3
1
PATROCINADO

FAB diz ter ‘vergado’ ex-seleccionador nacional William Voigt numa briga judicial em Genebra

Victória Maviluka
5/6/2024
1
2
Foto:
DR

Federação Angolana de Basquetebol sublinha que o Tribunal Arbitral do Basquetebol condenou o treinador norte-americano William Voigt a reembolsar a FAB pelas custas judiciais.

A Federação Angolana de Basquetebol afirma ter vencido uma briga judicial no Tribunal Arbitral do Basquetebol, em Genebra, órgão ao qual o ex-seleccionador nacional, o norte-americano William Voigt, recorreu para exigir da FAB uma indemnização de cerca de 582 mil dólares, por alegado incumprimento contratual, apurou a revista E&M.

O valor reclamado, refere a FAB num comunicado a que esta redacção teve acesso, incluía um montante superior a 380 mil USD, referente a penalidades por alegada falta de pagamento das verbas reclamadas pelo treinador.

A Federação Angolana de Basquetebol, “consciente de que liquidou integralmente” as quantias acordadas no acordo de Setembro de 2020, contestou a referida acção através dos seus advogados, recorda a nota.

“De acordo com a sentença hoje [04.06.2024] recebida, o Tribunal Arbitral do Basquetebol veio a considerar que o treinador William B. Voigt não tem direito a receber qualquer quantia da Federação Angolana de Basquetebol e considerou por isso o pedido apresentado totalmente improcedente”, reporta o documento.

O comunicado, assinado pelo presidente da FAB, José Moniz da Silva, afirma que o tribunal “condenou ainda” William Voigt a reembolsar a instituição desportiva angolana “pelos custos em que incorreu com o processo e a pagar-lhe uma compensação pelos custos em que incorreu com a acção”.