3
1

Gurimdata vence concurso de startups

O software “Gurimdata”, criado para resolver conflitos de terras nas administrações locais, construções anárquicas e ilegais, venceu o concurso “HACKATHON MAT” e encaixou um milhão de kwanzas.

1
2
Redacção_E&M
Fotografia
:
DR
Redacção_E&M

Desenvolvido pelo grupo Lumesoft, o softwere venceu a primeira edição da maratona de inovação tecnológica, concurso promovida pelo Ministério da Administração do Território, em parceria com a Kianda HUB, entre os meses de Outubro e Novembro de 2021.

O concurso, de acordo com a Angop, contou com o apoio do Programa das Nações Unidas para o desenvolvimento (PNUD), e reuniu desenvolvedores de softwares, web designers e outros profissionais da área de programação com vista à criação de ideias inovadoras para solucionar os problemas da administração local do Estado.

Para o segundo lugar ficou o software “Adm Acessos”, criada pelo grupo Arotec, que visa localizar as administrações  municipais e locais, bem como identificar  todos os serviços prestados aos munícipes e os requisitos necessários para tratarmos qualquer documento.

Segundo a agência nacional de notícias, a criação mereceu 600 mil kwanzas como prémio e será aproveitado para uso nas instituições do Estado.

Outra criação que participou do concurso é o software “Dot Solution”, desenvolvido pelo grupo Conexão Sublime, que se propõe a usar dados estatísticos na resolução dos problemas sociais que afligem os munícipes.

O secretário de Estado para as Autarquias Locais disse, citado pela Angop, que o concurso vai continuar pelo país, com o propósito de se dar oportunidade aos jovens desenvolvedores para contribuírem com soluções tecnológicas na resolução dos problemas sociais, que também lhes aflige.

“Este programa visa ainda reconhecer que do lado da administração pública não existe o monopólio das boas ideias e que existem técnicos e tecnocratas fora da administração pública que podem contribuir com óptimas soluções para melhorar este sector tão importante na vida dos munícipes”, explicou Mácio Daniel.

Segundo o secretário de Estado para as Telecomunicações e Tecnologias de Informação, Mário Oliveira, estás oportunidades estão a ser dadas aos jovens por propiciarem o apoio à economia, além de que o seu pelouro tem muitos programas destes, entre os quais o Digital.ao, recentemente inaugurado no bairro CTT, distrito do Rangel.

7
Assine a Revista Digital - Economia & MercadoAssine a Revista Digital - Economia & Mercado