3
1

Liga Africana de Basquetebol arranca em Maio

A sessão inaugural da Liga Africana de Basquetebol (BAL) terá lugar no domingo, 16 de Maio, no Ruanda, cidade Kigali e encerrará no dia 30 do referido mês, informa uma nota da organização desportiva.

1
2
Fotografia
:
DR

A histórica sessão inaugural da Liga Africana de Basquetebol acontecerá oficialmente no dia 16 de Maio, na Arena Kigali, capital do Ruanda, edecorre de uma parceria entre a Federação Internacional de Basquetebol (FIBA) e a Associação Nacional de Basquetebol (NBA).

Segundo o comunicado da BAL, a que a Economia & Mercado teve acesso esta semana, o campeonato baseia-se nas competições de clubes que a Delegação Regional da FIBA África organizou no continente e assinala a primeira colaboração da NBA para gerir uma liga fora da América do Norte.

O actual contexto sanitário imposto pela Covid-19, obrigou a BAL criar um protocolo sanitário e de segurança para as 12 equipas e pessoal que se vão deslocar para o Ruanda.

“Estamos entusiasmados com o facto de a sessão inaugural da Liga Africana de Basquetebol se realizar na Arena Kigali de nível mundial”, disse

De acordo com o presidente da BAL, Amadou Gallo Fall, através da competição, a liga fornecerá uma plataforma para jogadores de elite em todo o continente para mostrar o seu talento e inspirar fãs de todas as idades.

A intenção, por outro lado, é também a de usar o basquetebol como um motor de crescimento económico em África e lançar uma luz para a vibrante cultura desportiva africana.

Por sua vez, o presidente do Conselho da FIBA África e da BAL, Anibal Manave, sente-se regozijado e feliz por finalmente se ter lançado antecipada a primeira sessão da BAL.

“A FIBA e a NBA têm trabalhado em conjunto para desenvolver protocolos que atendam à saúde e à segurança de todos os jogadores, treinadores e dirigentes. A experiência de receber as Qualificatórias da FIBA AfroBasket 2021 no Ruanda, no final do ano passado, contribuirá para uma sessão inaugural da BAL segura e bem-sucedida”, garantiu o dirigente desportivo.

Para a sessão inaugural, informa o documento, a organização contará com um total de 26 jogos na Arena Kigali, sendo que a competição irá arrancar com uma fase de grupos de 18 jogos com as 12 equipas divididas em três grupos de quatro.

Durante a fase de grupos, explica, cada equipa enfrentará uma vez as restantes três equipas do seu grupo. “As oito melhores equipas da fase de grupos qualificam-se para os playoffs, que serão de eliminatória simples em todas as três rondas”, informa a nota.

As equipas campeãs das ligas nacionais de Angola, Egito, Marrocos, Nigéria, Senegal e Tunísia ganharam a sua participação na sessão inaugural. As restantes seis equipas, oriundas da Argélia, Camarões, Madagáscar, Mali, Moçambique e Ruanda, garantiram a sua participação através de torneios de qualificação da BAL, organizados por Delegações Regionais da FIBA África em todo o continente, em finais de 2019.

7
Assine a Revista Digital - Economia & MercadoAssine a Revista Digital - Economia & Mercado