3
1

Mais de quatro mil diamantes apreendido na Lunda Norte

Quatro mil 429 pedras de diamantes, ainda por avaliar, em posse de um cidadão de nacionalidade francesa, foram apreendidos esta semana, no Lucapa, província da Lunda Norte, pela Polícia Nacional.

1
2
Fotografia
:
DR

A apreensão resulta de uma investigação policial, decorre, após sucessivas denúncias sobre compra e venda clandestina de diamantes no interior da residência do cidadão francês.

Segundo uma nota da Polícia Nacional, a que a Angop teve acesso, foram igualmente apreendidos três mil 350 dólares norte-americanos, 30 euros, duas balanças, três lupas, quatro pás de recolha de diamantes, entreoutros meios em posse do mesmo cidadão.

De acordo com a agência nacional de notícia, os diamantes serão entregues a Comissão do Posto Avançado da Operação Transparência, com sede em Malange, para os procedimentos legais.

Assim sendo, o cidadão francês implicado no contrabando de diamantes, já se encontra detido e será reencaminhado ao Ministério Público nos próximos dias.

A Operação Transparência, que em Março de 2019 foi alargada à costa marítima, visa o combate ao tráfico de diamantes e a imigração ilegal.

Neste sentido, refere a Angop, dados disponíveis indicam que, de Janeiro a Maio do ano em curso, foram apreendidas 125 pedras de diamantes (por avaliar), mil e 700 dólares norte-americanos e 55 mil kwanzas.

Durante o ano de 2019 foram apreendidas seis mil, 579 pedras de diamantes (por avaliar), 19 viaturas e 275 mil dólares norte-americanos, foram apreendidas.

No mesmo período, as autoridades detiveram 147 mil, 379 cidadãos estrangeiros, sendo 147 mil e seis da República Democrática do Congo, e 158 oeste africanos por situação migratória irregular, repatriados aos países de origem.

Encerraram ainda  96 igrejas, sendo 54 por exercício ilegal da actividade religiosa e 24 por falta de instalações condignas para realização de cultos, 107 estabelecimentos comerciais por falta de requisitos para o exercício da actividade.

As infracções registadas, no quadro das transgressões administrativas durante a operação, renderam para o Estado 16 milhões, 543 mil, 420 kwanzas.

7
Assine a Revista Digital - Economia & MercadoAssine a Revista Digital - Economia & Mercado