3
1

Malanje. Mais de 600 jovens concluem formação profissional

O Centro Integrado de Emprego e Formação Profissional da Maxinde, na província de Malanje, formou, recentemente, 667 jovens nas diferentes especialidades de formação.

1
2
Redacção_E&M
Fotografia
:
DR
Redacção_E&M

Os técnicos foram formados nas especialidades de Alvenaria, Electricidade de Baixa Tensão, Informática, Canalização, Corte, Costura e Decoração, Serralharia, Carpintaria, Mecânica-Auto, Contabilidade Geral e Frio, dos quais, 91 mulheres.

No acto de encerramento da formação, segundo o Jornal de Angola, o chefe doServiço Provincial do INEFOP, Rui Bravo, disse que o centro “não tem absorvido a demanda dos jovens que procuram pelos seus serviços devido a redução da capacidade instalada.

“Estamos a pensar introduzir novos cursos nos próximos ciclos de formação, como Culinária e Pastelaria,” sublinhou o gestor.

Rui Bravo solicitou, entretanto, o apoio do Governo Provincial para a construção de um centro de formação no município sede da província, “para atender a procura”, ao mesmo tempo que apelou aos administradores municipais para darem prioridade aos jovens recém-formados sempre que houver vagas na função pública, “para se evitar a fuga da mão-de-obra qualificada”. 

Já o administrador municipal adjunto de Malanje para a Área Orçamental, Leonel Francisco, que encerrou a cerimónia, disse que o Governo de Angola definiu à formação de quadros em todos os domínios da economia nacional como factor de desenvolvimento, que permitirá alavancar a economia nacional. “A formação profissional não é algo estático. Devemos considerá-la como o início de uma caminhada e não como um fim”, recomendou. A província de Malanje tem quatro unidades de formação.

7