3
1
PATROCINADO

Reservas externas de Moçambique recuam para 3,5 milhões de dólares

Sebastião Garricha
19/6/2024
1
2
Foto:
DR

De acordo com o Banco de Moçambique (BdM), estas reservas são actualmente suficientes para cobrir cerca de três meses das necessidades de importação previstas para o ano.

As Reservas Internacionais Líquidas (RIL) de Moçambique, necessárias para importações de bens e serviços, encolheram para 221,3 milhões de meticais (3,5 milhões de dólares) em Abril, marcando o terceiro mês consecutivo de decréscimo, anunciou o Banco Central (BdM).

Citados hoje, 19 de Junho, pela Agência Lusa, os dados fornecidos pela instituição revelam que estas reservas são actualmente suficientes para cobrir cerca de três meses das necessidades de importação previstas para o ano, sendo que, se excluídos os grandes projectos, a cobertura aumenta para quase cinco meses.

Por exemplo, em Abril, após um encontro com o Presidente Filipe Nyusi, em Washington, a directora-geral do Fundo Monetário Internacional (FMI), Kristalina Georgieva, elogiou o “bom desempenho” da economia moçambicana, salientando que o País mantém um programa activo com o credor internacional.

Além disso, diz a notícia da Lusa, Kristalina Georgieva destacou a melhoria da situação fiscal, o crescimento económico e a redução da inflação, apesar dos recentes recuos nas reservas internacionais.

“O encontro, que durou mais de 30 minutos na sede do FMI, reforçou a percepção de que Moçambique está a fortalecer as suas instituições e a implementar políticas eficazes, contribuindo para um ambiente económico mais estável e promissor”, lê-se na notícia.

De acordo com o relatório estatístico do Banco de Moçambique, essas reservas tinham crescido em Janeiro para quase 3.601 milhões de dólares (3.332 milhões de euros), o valor mais elevado desde setembro de 2021.