3
1

Standard Bank prevê retoma do crescimento económico em 2020

O Banco perspectiva uma contração do PIB nacional de 0,7% este ano devido aos riscos associados à recessão no sector petrolífero. Mas prevê um crescimento de 1,5% em 2020, impulsionado pelas reformas.

1
2
Redacção
Redacção

O conjunto de reformas e políticas macroeconómicas que o executivo angolano tem estado a implementar, desde o início de 2018, têm potencial para estabilizar a economia e restaurar o crescimento económico a partir de 2020, indica uma pesquisa do Standard Bank Angola sobre a actual conjuntura económica do país, divulgada, quinta-feira, 13.

Para além das projecções optimistas, o banco diz existirem ainda riscos associados à recessão no sector petrolífero que continua a impactar negativamente o resto da economia.

Os analistas do Standard Bank consideram “que o país está dar passos firmes para retomar a actividade económica”, mas assinalam que os objectivos de diversificação da economia só se podem materializar a prazo e que, por isso mesmo, as reformas devem ser urgentes.

“Mantemos inalteradas as nossas projecções de que a economia só saia da recessão no próximo ano, tal como publicado na edição de Maio do “African Markets Revealed” do Standard Bank Research”, afirma Fáusio Mussá, economista do grupo Standard Bank, perspectivando uma contracção do PIB, este ano, de 0,7% e um crescimento de 1,5%, em 2020.

Em relação ao mercado cambial, a análise do banco diz ter havido uma melhoria da liquidez em moeda externa, o que se traduz numa menor depreciação da moeda comparado ao ano passado.

“A agilidade do governo em ajustar o Orçamento Geral do Estado para uma expectativa de redução da receita petrolífera contribui para os esforços de consolidação fiscal e para dar credibilidade aos actuais programas de reformas económicas”, conclui a análise do Standard Bank sobre a economia angolana.

7