3
1

Wine Clube lança loja digital

O WineClub.AO é uma plataforma angolana de promoção, educação e realização de eventos enogastrómicos, que será apresentada amanhã, sábado, 13 de Março, das 17 às 20 horas, no Morro Bento, em Luanda.

1
2
Cláudio Gomes
Fotografia
:
DR
Cláudio Gomes

De acordo com uma nota, a que a Economia & Mercado teve acesso hoje, sexta-feira, 12 de Março, a inovadora loja de Ecommerce destinada a venda de vinhos pelo www.wineclub.ao, será apresenta durante a IIª edição da prova de “Vinhos e Outros Prazeres”.

O evento que terá lugar no restaurante Chalé da Comida, reunirá, entre outras, apreciadores de vinhos, distribuidores locais, operadores do sector da restauração e individualidades.

Segundo o sócio e fundador do WineClub.AO, Sebastião Vemba, durante o Estado de Emergência no país e no mundo, muitos produtores e distribuidores de vinhos investiram no digital como canal privilegiado de vendas.

Para o também provador, citado no documento, a visão dos investidores do sector que emergiram para o digital, resultou em ganhos mensuráveis, apesar das dificuldades impostas pelo contexto.

“A expectativa é grande, uma vez que o evento vai juntar apreciadores de vinho e os players de um sector que não passou imune aos efeitos negativos da pandemia, embora existam experiências que comprovem o contrário”, sublinhou Vemba.

Além da Esporão, MultiÁfrica, Casa Ferreirinha e a Caxaramba, a IIª edição da prova de “Vinhos e Outros Prazeres” contará com a participação de especialistas internacionais que via Zoom integraram um painel num curto, entretanto, importante debate sobre “o impacto da pandemia na indústria do vinho”.

Segundo a nota da WineClub.AO, as dissertações deverão apontar caminhos possíveis para dinamizar as exportações e vendas, “num contexto de restrições comerciais e limitação de deslocação de pessoas”.

“Teremos um evento híbrido, com transmissão online e presenças físicas limitadas. A vantagem é que poderemos ter a participação de actores a partir de outros cantos do mundo”, explicou o também jornalista, que no entretanto, lamenta o facto de neste ano estar disponível menos diversidade de vinhos, grande parte deles portugueses, que ainda lideram o mercado, que por sinal “são os que mais investem, em todos os sentidos”.

No que respeita ao mercado de vinhos, Sebastião Vemba considera que está dinâmico e em adaptação. “Não dispomos dos números das importações e vendas, mas o feedback que temos dos actores é de crescente interesse dos consumidores, adaptação ao digital e descoberta de outros produtos”, avançou, salientando, baseando-se em dados por si avaliados, que os vinhos brancos começam a ser mais apreciados.

A Organização atesta que o WineClub.AO continuará a ser uma plataforma de promoção dos vinhos e dos actores do sector, assim como um palco para permitir a interacção entre amigos, gestores e homens de negócio.

O documento informa que a segunda edição de "Vinhos e Outros Prazeres" será a confirmação do interesse da WineClub.AO em ser agregadora e parte interessada na criação de um ecossistema de apreciadores de vinho e todo o negócio circundante, com destaque para o enoturismo”, finalizou.

7
Assine a Revista Digital - Economia & MercadoAssine a Revista Digital - Economia & Mercado