3
1

Empresários e jornalistas vão descobrir potencialidades económicas

A confederação Empresarial de Angola – CEA anunciou, ontem, terça-feira, 27 de Abril, em Luanda, a realização do 2º Congresso da Produção e do Sector Privado.

1
2
José Zangui
Fotografia
:
Isidoro Suka
José Zangui

O congresso da confederação empresarial de Angola, que terá lugar em Novembro deste ano, na cidade de Luanda, será antecedido por uma actividade que levará empresários e jornalistas a descobrir as potencialidades de investimento do País.

O evento vai decorrer durante três dias e focalizar-se-á nos eixos do agro-negócio, agro-logistica, hotelaria, cultura e turismo, zona de comércio livre, formação e transformação tecnológica e métodos de gestão, entre outros temas.

Inicialmente, de acordo com o presidente da confederação, o empresário Francisco Viana, a conferência seria realizada na província de Benguela, entretanto, considerando o confinamento imposto pela pandemia da Covid-19, alterou-se o local.

No evento, espera-se a presença de centena de individualidades, entre empresários, governantes, institucionais internacionais e especialistas em diversas matérias.

A ideia deste congresso de Produção é o de promover a troca de experiência e cooperação entre os participantes, bem como aprofundar o diálogo entre as associações representativas do sector privado, Governo de Angola e o corpo diplomático.

Antes do encontro, serão realizadas outras actividades, destaque para as “Caravanas da Produção nacional”, que serão duas- uma que parte de Malanje, passa pelo leste do país e termina na República do Congo e outra que parte do Norte, da província do Kwanza-Norte, passa pelo Uíge até ao Luvu, fronteira com a República Democrática do Congo.

As caravanas vão levar jornalistas de diferentes órgãos de comunicação social e empresários, que in loco, vão ver as potencialidades das províncias por onde passarem e decidirem sobre em que podem investir.

Para os jornalistas, Francisco Viana, presidente da CEA, disse que os custos logísticos serão suportados pelos respectivos órgãos de comunicação em fazer a caminhada, que começa em Junho.

7
Assine a Revista Digital - Economia & MercadoAssine a Revista Digital - Economia & Mercado