3
1

Nova central eléctrica entra em funcionamento em Setembro

Uma nova central térmica de 20 megawatts, entra em funcionamento a partir de Setembro próximo anunciou, esta semana, no Moxico, o ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges.

1
2
Redacção
Fotografia
:
DR
Redacção

A informação foi avançada pelo dirigente durante uma entrevista prestada aos jornalistas, onde o ministro disse que a nova central térmica, erguida no bairro Social da Juventude, arredores da cidade do Luena, vai aumentar significativamente a produção de energia na região.

João Baptista Borges explicou, de acordo com a Angop, que o sector pretende igualmente, instalar oito postos de transformação de energia eléctrica e expandir a rede de distribuição, com vista a efectuar mais de 11 mil ligações domiciliárias.

O sector prevê ainda construir, na cidade do Luena, uma central solar (foto voltaica), com vista a reduzir os custos na obtenção de combustíveis.

Para os demais municípios do Moxico, disse que o ministério pretende implementar energia solar, além da intenção da República da Zâmbia fornecer, nos próximos tempos, energia para os municípios transfronteiriços.

Para minimizar a situação energética nos municípios do Alto Zambeze e do Léua, o governante disse que será desactivada  uma central térmica do Luena, para ser montada numa destas localidades.

O ministro  reiterou, no entanto, a necessidade de estender a rede das 10 províncias angolanas interligadas no sistema de electrificação, para as novas cidades capitais e sedes municipais, no âmbito do Plano de Desenvolvimento Nacional e das acções do Ministério.

Já no que se refere distribuição de água, informou que serão realizadas 15 mil ligações, com a extensão da rede de distribuição, depois da conclusão do programa de combate às ravinas e desassoreamento dos rios Luena e Lumege, para uma melhor captação e distribuição deste liquido.

7