3
1

O Governo angolano prevê para 2023 uma diminuição de preços até 11,1%

Redacção_E&M
13/12/2022
1
2
Foto:
DR

A informação consta na proposta de Orçamento Geral de Estado para o exercício económico de 2023, entregue recentemente à Assembleia Nacional.

De acordo com o documento consultado hoje, terça-feira, pela Economia & Mercado, o objectivo do Executivo liderado pelo Presidente João Lourenço é baixar a inflação 11,1%, em 2023, de modos a garantir maior consumo e condições de financiamento pela banca nacional, sendo que no ano em curso, a inflação teve um comportamento decrescente, tendo registado 19,8% em Agosto, 18,16% em Setembro, 16,68% em Outubro e 15,24% em Novembro.

Segundo a informação disponível na proposta de Orçamento Geral de Estado (OGE), para o exercício económico de 2023, entregue na passada sexta-feira, 9 de Dezembro, à Assembleia Nacional (AN), para o controle das pressões inflacionárias, o Executivo vai continuar a acompanhar as inferências da evolução da situação internacional marcada pelo conflito Rússia-Ucrânia, para assim, atenuar os impactos do aumento dos preços dos diversos produtos.

Realçar que o OGE para o exercício económico do próximo ano está avaliado em 20 104,2 mil milhões Kwanzas, sendo que a despesa fiscal total é de 12 902,2 mil milhões Kwanzas, correspondo a 64,2% do orçamento, e a despesa financeira 7 202 mil milhões Kwanzas, sendo assim, 35,8% do orçamento total.

No entanto, o Executivo aponta para um orçamento superavitário de 0,9% do Produto Interno Bruto (PIB), resultando do fluxo global de receita fiscal de 22,1% do PIB e de despesa fiscal de 21,2% do PIB.