3
1

UNITA elege hoje novo presidente

A UNITA terá a partir desta de hoje, sexta-feira, 15, um novo presidente, a ser eleito no último dia do XIII Congresso do maior partido da oposição em Angola.

1
2
Redacção_E&M
Fotografia
:
DR
Redacção_E&M

Concorrem à sucessão do actual presidente, Isaías Samakuva, que decidiu não se recandidatar, depois de 16 anos à frente do partido, cinco conhecidas figuras do referido partido: Raúl Danda, Alcides Sakala, Abílio Kamalata Numa, José Pedro Katchiungo e Adalberto da Costa Júnior.

De acrodo com ANGOP, os cinco concorrentes vão sujeitar-se à escolha dos mil 150 delegados que participam do conclave, desde última quarta-feira (13), esperançados em ver uma UNITA mais forte.

Neste sentido, o pleito eleitoral, cujo processo de votação se inicia às 9h30, promete ser renhido, tendo em conta os sinais da campanha eleitoral, o perfil e prestígio dos concorrentes.

Em relação ao sorteio da posição no boletim de voto determinou José Pedro Katchiungo como primeiro da lista, Raúl Danda segundo, Adalberto Costa Júnior terceiro, Abílio Kamalata Numa quarto e Alcides Sakala Simões quinto.

Neste congresso, escreve ainda ANGOP, será eleito presidente da UNITA o concorrente que obtiver 50% de votos+1. Uma segunda volta poderá ocorrer em caso de empate entre dois candidatos, todos eles com trajactória marcante no partido.

Durante a campanha, Raúl Danda, 62 anos de idade, por exemplo, procurou usar o estatuto de vice-presidente e a experiência acumulada como "número dois" do partido para convencer o eleitorado a votar na sua candidatura, apesar de ter tido o menor tempo de contacto com o eleitorado.

O concorrente, que quase ficou de fora, por alegada descontinuidade de militância de 15 anos levantada aquando da apresentação da sua candidatura, diz-se pronto e confiante.

Já Alcides Sakala, de 66 anos, e Abílio Kamalata Numa (64 anos), também partem com grandes hipóteses de vencer a eleição. Ambos são apontados como garantes da continuidade da política do presidente cessante, mas sem garantias de inovação esperada pela juventude.

Por sua vez, José Pedro Katchiungo (56 anos de idade), que integrou a equipa indicada por Jonas Savimbi (fundador do partido) para negociar os acordos de Bicesse, em 1991, e Adalberto da Costa Júnior (57), presidente do Grupo Parlamentar, têm a simpatia do eleitorado.

À semelhança de Raúl Danda, Adalberto Costa Júnior quase foi prejudicado, devido a questionamento sobre a autenticidade do seu diploma de engenharia e a nacionalidade portuguesa que, entretanto, acabara por renunciar.

7